quarta-feira, 30 de abril de 2014

Maconha deve ser legalizada, e traficantes da droga anistiados, diz Jean Wyllys

Em entrevista ao UOL, Jean Wyllys diz que Legalizar a cannabis e acabar com a guerra às drogas não é somente uma questão de liberdades individuais. É também uma questão de segurança pública e de direitos humanos.

A guerra às drogas está dizimando a juventude mais pobre das periferias, que morre vítima das lutas de facções, da repressão ao tráfico, da violência policial e das milícias. Ou é encarcerada pelo comércio ilegal de drogas ou, em muitos casos, pelo uso delas.

Dependendo da cor e da classe social, a mesma quantidade de substância pode ser considerada para uso ou para tráfico, e a pessoa pode ir parar em presídios superlotados, que são verdadeiros infernos e escolas do crime.

Segundo ele, o seu projeto de lei 7270/2014, protocolado na câmara dos deputados vai fazer muito mais do que legalizar a maconha, vai mudar a política de drogas do Brasil incluindo a anistia a presos.

Wyllys se baseia em uma matéria divulgada no Estadão de 4 de fevereiro de 2012 para mostrar os números de drogas que mais matam segundo o Ministério da Saúde brasileiro, que mostra o álcool como a numero um. 

Eu me pergunto: Qual a intenção desse deputado em tentar legalizar tanta coisa ruim dentro de um país onde a Saúde e a Educação precisam de mais atenção. Será que já não chega uma droga como a bebida onde é responsável em 72% pelas mortes, e com certeza o é, porque é legalizada. Se fosse proibida, seria muito menor esse índice.

Qual é a desse deputado em tentar destruir a família constituída, induzindo as crianças a acreditarem em praticas antinaturais como sendo normais, através de cartilhas explicitamente didáticas. 

E o aborto? A tentativa de aprovar a lei a favor do aborto, começando a pelas crianças através da matéria de orientação sexual. Eu te pergunto: Pra que falar de pílula do dia seguinte a ouvintes menores de idade, se o remédio é somente vendido sob prescrição médica e para maiores?    

Eu me lembro de uma entrevista da Globo feita com um pastor que não concordava com a matéria de orientação sexual nas escolas e o repórter questionando o porquê desta resistência, ele então mostra um pênis de borracha e um preservativo e é interrompido imediatamente pelo repórter que diz ser proibido mostrar naquele horário esse material na TV. E o pastor respondeu se é proibido mostrar como colocar um preservativo no noticiário do meio dia, para adultos, por que não proibir mostrar isso para crianças menores de 13 anos nas escolas?  

Eu queria saber por que você ainda não foi cassado por tentar impor a crianças menores de 13 anos nas escolas essas cartilhas, que induzem as mesmas a pratica da pedofilia, passando por cima do ECA. 

Veja o que diz o estatuto da criança (ECA):

Art. 53. A criança e o adolescente têm direito à educação, visando ao pleno desenvolvimento de sua pessoa, preparo para o exercício da cidadania e qualificação para o trabalho, assegurando-se-lhes:
I - igualdade de condições para o acesso e permanência na escola;
II - direito de ser respeitado por seus educadores;
III - direito de contestar critérios avaliativos, podendo recorrer às instâncias escolares superiores;
IV - direito de organização e participação em entidades estudantis;
V - acesso à escola pública e gratuita próxima de sua residência.
Parágrafo único. É direito dos pais ou responsáveis ter ciência do processo pedagógico, bem como participar da definição das propostas educacionais.

Art. 58. No processo educacional respeitar-se-ão os valores culturais, artísticos e históricos próprios do contexto social da criança e do adolescente, garantindo-se a estes a liberdade da criação e o acesso às fontes de cultura. Essa orientação sexual deve respeitar a cultura, o ambiente, e o sistema educacional que essa criança já tem em casa, ou seja, os valores familiares não devem ser atropelados pelas metodologias do Estado.

Art. 71. A criança e o adolescente têm direito a informação, cultura, lazer, esportes, diversões, espetáculos e produtos e serviços que respeitem sua condição peculiar de pessoa em desenvolvimento. 

Não se pode padronizar a questão da orientação sexual, pois pra cada idade deve-se ser respeitado a condição peculiar de cada adolescente e seu desenvolvimento

Faça um bem para as crianças com fez o nobre Deputado Onyx Lorenzoni que propôs mudar o ECA com a inclusão da "Lei Bernardo" que estabelece como prioridade denúncias feitas por crianças. Veja a matéria completa clicando aqui.

Voltando a falar das drogas, veja agora, uma pesquisa seria sobre drogas e ao contrario do que você diz a maconha mata sim. Pergunte para os pais de família que perderam seus filhos por causa do uso dessa droga, se eles concordam com a sua opinião.


As 10 drogas mais perigosas do mundo

Por: Thales Azamor

Uma pesquisa do Comitê Científico Independente para Drogas da Grã-Bretanha classificou numa escala de 0 a 100, o nível de periculosidade das drogas mais comuns. O estudo levou em consideração os danos para o usuário como mortes causadas direta ou indiretamente pelas drogas, além de dependência e perda de relacionamentos. Os danos para os demais incluem criminalidade, dano ambiental, conflitos familiares, danos internacionais, custos econômicos e prejuízos à coesão comunitária. Confira as dez mais perigosas:

01 - Álcool: 72 pontos de 100.
02 - Heroína: 55.
03 - Crack: 54.
04 - Metanfetaminas: 33.
05 - Cocaína: 27.
06 - Tabaco: 26.
07 - Anfetaminas: 23.
08 - Maconha: 20.
09 - Benzodiazepínicos: 15.
10 - Ketamina: 15.

Fonte: Comitê Científico Independente para Drogas da Grã-Bretanha.
Extraído do site: http://lista10.org/,  em 01/04/2012.

Aqui colocamos a fonte.

Um dia vamos saber o que há por trás desse seu interesse em legalizar essas coisas, principalmente envolvendo crianças.

“Estou pronta para contar que fui abusada sexualmente na infância”

O abuso sexual já ficou em segundo lugar entre os tipos de violência infantil mais comuns - e graves! São mais de 15 mil casos todo ano, só no Brasil. Lá fora, depois que Dylan Farrow escreveu um artigo para o "The New York Times" acusando o pai adotivo,Woody Allen, de estupro, mais mulheres criaram coragem de assumir que foram molestadas na infância. A seguir você confere três histórias fortes e comoventes.

“Confrontei meu agressor e depois o perdoei”

“Cresci em uma pequena cidade no Missouri e tínhamos uma vida normal: meu pai era professor, minha mãe era secretária. Mas eu sempre soube que era diferente das outras famílias. Meu pai me sentou no colo dele várias vezes para abrir sua revista Playboy e andar nu na minha frente.

No início, quando ele veio ao meu quarto depois que eu estava dormindo, senti o cheiro de álcool em seu hálito e me apavorei quando ele colocou os dedos dentro de mim. Em algum momento, quando eu tinha entre sete e 10 anos, ele começou a colocar o pênis, mesmo eu tentando impedi-lo. Não me lembro quantas vezes meu pai me estuprou. Voltei-me para a comida e por sorte não tive um distúrbio alimentar, mas eu também mergulhei em trabalhos escolares, sempre querendo ser médica. Hoje eu sou e trabalho no setor de emergências do hospital.

Há três anos, no meio de um tratamento facial, a esteticista colocou um pano quente sobre o meu rosto, da mesma forma que meu pai costumava fazer para me sufocar com um ursinho de pelúcia. ("Basta ficar em silêncio", ele dizia antes de me estuprar.) Eu pulei da mesa, paguei e corri para o meu carro. Estava chorando tanto que eu não pude dirigir. Sentei lá na solidão no meio da estrada e comecei a gritar o que eu não tinha gritado aos nove anos: "Socorro! Por favor, alguém me ajude! Eu preciso de ajuda!”.

Naquele ano, eu conversei com um psiquiatra sobre denunciar meu pai. Mas ele nem tinha mais crianças por perto. Óbvio, já que havia completado 65 anos. O médico e eu decidimos pensar sobre isso por uma semana e, em seguida, tomar uma decisão. Quase uma semana depois, meu pai foi atropelado por um carro. Eu voei para Kansas City, Missouri, e fui direto para seu quarto na UTI. Pedi para ficar sozinha com ele. Lá eu disse a ele que lembrava de tudo e que por ele ter sido tão monstruoso comigo, algo terrível deve ter acontecido com ele. E então eu disse que o perdoava. Minutos depois, ele parou de respirar. Eu sei que meu pai estava esperando apenas por essas palavras para morrer em paz”.
Jennifer Hanes, 39 anos, mora em Austin, no Texas, ao lado dos dois filhos

“Fui da tentativa de suicídio ao emprego de buyer”

“Meu padrasto, um sargento da Força Aérea, se confessou culpado de atos indecentes com uma menor de idade, inclusive tocando e beijando minhas partes íntimas e forçando-me a fazer a mesma coisa com as partes dele. Ele foi para a prisão por três anos. Sim, ele foi punido, mas não era compensação suficiente para o meu sofrimento.


Eu finalmente me abri com um terapeuta sobre o abuso quando tinha 13 anos, depois de tentar cometer suicídio. E mesmo depois que ele foi condenado, continuei com trauma de homens, sem autoestima, fugindo dos namorados. Então tive um filho aos 19 anos e começou a funcionar tudo normalmente para mim. Finalmente aceitei que não posso mudar e decidi ajudar outras vítimas. Fui para a faculdade e agora sou buyer de uma empresa de aviação e me sinto cada dia uma pessoa mais forte”.
Trisha Fielding, 34 anos, mora na Flórida


“Armei uma emboscada para meu agressor”

“Foi há dois anos que eu fiz a "chamada de frio." Enquanto estava lá com dois detetives, eu disquei o número do meu agressor, pronta para atraí-lo para uma conversa amigável sobre o nosso "relacionamento". Os policiais tinham clonado a linha. Eu queria provas. Conheci este homem (amigo do meu pai), dez anos antes. Aos 13 eu queria ser artista e ele era um pintor incrível. Extremamente astuto, aproveitou-se que eu era ingênua e vulnerável, com devoção cristã e infeliz em casa. "Eu sei o que você está passando", ele dizia. "Seus pais não te entendem." Comecei indo uma vez por semana. Eu sentava em seu sofá; ele segurava minha mão. "Você é linda", disse um dia. Então ele me beijou. Foi o meu primeiro beijo. Dentro de alguns meses, ele foi me forçando a fazer sexo oral nele. Eu me senti muito confusa. Não sabia que estava sendo usada por um mestre manipulador. Quando eu tinha 14 anos, ele começou a me estuprar, dizendo coisas como: "Se Deus nos uniu, quem é você para nos separar? "

Mas eu comecei a me apaixonar e quando estava no segundo ano na faculdade, ele era a minha vida. Fisicamente, pelo menos. Quando eu caí na depressão mais grave que se possa imaginar, sabia que precisava dizer a polícia. O caso levou um tempo, mas ele se confessou culpado de abuso sexual de menores e foi condenado. Eu nunca vou esquecer o quanto eu me sentia enjoada durante essa chamada, fingindo ter até mesmo afeição por esse cara. Obriguei-me a falar com doçura, mas o tempo todo eu estava com tanta raiva, que depois que eu desliguei, um dos agentes de segurança disse: "Eu quase comecei a rir quando você fez isso. Estou tão orgulhoso de você, quer ser detetive?”.
Liz Rattan, 25, recentemente graduada pela Universidade da Pensilvânia.

Fonte: Revista Galmour

Prefeitura acusa Davi Sacer de calote; cantor esclarece o caso

Muitos cantores evangélicos são assessorados por produtoras de eventos que ficam responsáveis por agendar as apresentações desses artistas.
O cantor Davi Sacer foi citado em diversas reportagens sendo acusado de aplicar golpe na Prefeitura de Matriz de Camaragibe, em Alagoas, que teria pago R$ 25 mil de cachê e mais R$ 5 mil em passagens de avião, mas o cantor não compareceu ao evento.
O contrato entre a prefeitura e o cantor teria acontecido por meio de uma produtora que não é a responsável pelo agendamento do cantor que precisou divulgar uma nota oficial esclarecendo o caso.
O prefeito de Matriz de Camaragibe, Marcos Paulo, chegou a registrar um boletim de ocorrência contra o cantor Davi Sacer o acusando de dar o golpe, já que o valor do evento foi pago para a produtora que afirmava ser a representante dele.
Na nota o evangélico esclarece que não tinha nenhuma informação a respeito do show em Alagoas e que teve sim um evento intermediado pela produtora acusada, mas que seria na cidade de Maceió, evento que aconteceu no dia 23 de abril, mesma data que a prefeitura afirma ter contratado.
“Não tínhamos conhecimento prévio do evento, uma vez que não há qualquer contrato com a Prefeitura da referida cidade, ou mesmo com a empresa G S COSTA ME, tanto que este show sequer constava na agenda divulgada em nosso site”, escreveu Davi Sacer em sua fanpage oficial.
Aproveitando o momento o cantor explicou que sua agenda é administrada pela empresa BREMAR que é a representante oficial. “Assim sendo, ninguém além da empresa está autorizado a receber qualquer valor ou firmar qualquer tipo de contrato em nome do cantor, salvo procuração outorgada através de seus representantes legais, o que não é o caso.”
Davi Sacer lamentou profundamente o ocorrido e pediu desculpas aos seus admiradores da cidade de Matriz de Camaragibe dizendo que terá um grande prazer de se apresentar no município.
Leia na íntegra:
Não tínhamos conhecimento prévio do evento, uma vez que não há qualquer contrato com a Prefeitura da referida cidade, ou mesmo com a empresa G S COSTA ME, tanto que este show sequer constava na agenda divulgada em nosso site.
Nosso contato com a empresa G S COSTA ME resume-se a uma Carta de Exclusividade referente a evento que seria realizado na cidade de MACEIÓ, no dia 23/04/2014, ou seja, mesma data do evento em Camaragibe. Entretanto, de qualquer forma, tal evento não aconteceria, pois como já esclarecido, não chegou a ser firmado nenhum contrato com a citada empresa.
Cumpre esclarecer que qualquer contrato referente a show ou participação do cantor em eventos, é necessariamente firmado com a empresa BREMAR ……, representante do cantor. Assim sendo, ninguém além da empresa está autorizado a receber qualquer valor ou firmar qualquer tipo de contrato em nome do cantor, salvo procuração outorgada através de seus representantes legais, o que não é o caso.
Apesar de tudo, lamentamos profundamente o ocorrido, e nos desculpamos com aqueles que ansiosamente aguardaram pela presença do cantor Davi Sacer. Esperamos, em breve, poder estar com nossos amigos e irmãos da cidade de Matriz de Camaragibe – AL, o que será uma honra para nós.

Fonte: Gospel Prime

terça-feira, 29 de abril de 2014

Projeto no Iraque reduz idade para mulher casar aos 9 anos

World Press foto 2011
Um projeto de lei que, segundo seus opositores, legaliza o casamento das meninas e o estupro conjugal provocou uma polêmica no Iraque, semanas antes de eleições previstas para o fim de abril.

Os opositores ao projeto - que, segundo analistas, tem poucas chances de ser adotado - afirmam que representa um retrocesso em matéria de direitos da mulher e que pode agravar as tensões entre diferentes confissões do país.

Seus opositores ressaltam que um de seus artigos permite que as crianças se divorciem a partir dos nove anos, o que significa que podem se casar antes desta idade, e que outro prevê que uma mulher seja obrigada a ter relações sexuais com seu marido quando ele pedir.

Segundo um estudo de 2013 do grupo de pesquisa americano Population Reference Bureau (PRB), um quarto das mulheres no Iraque se casam com menos de 18 anos.

— Este projeto de lei é um crime humanitário e uma violação dos direitos das crianças — declarou Hanaa Edwar, que dirige a associação Al-Amal ("esperança", em árabe).

Os partidários do projeto de lei afirmam que o texto apenas regula práticas que já existem.

— A ideia da lei é que cada religião regule e organize a condição jurídica pessoal em função de suas crenças — estimou Ammar Toma, um parlamentar xiita do partido Fadhila.

No entanto, analistas consideram muito improvável que o parlamento iraquiano vote este projeto e afirmam que se trata de uma manobra política.

Assim, o primeiro-ministro xiita Nuri al-Maliki pode estar tentando deixar aberta a possibilidade de uma aliança com Fadhila após as eleições, que, acredita-se, não fornecerão maioria parlamentar absoluta a nenhum partido.

Fonte: Zero Hora

Evangélicos boicotam a Globo porque dizem que novela promove a umbanda.

Existe uma campanha na internet e está tendo uma grande repercussão, onde os evangélicos acusam a Rede Globo de fomentar a umbanda, usando para isso a novela das 18hs, Meu Pedacinho de Chão. A pagina do Face é da evangélica, cantora e compositora Dayhendya Alves e já teve mais de 93 mil compartilhamento.

Dayhendya alega que essa novela tem em toda a sua estrutura a apologia a umbanda de forma implícita. Veja as alegações:

"UM ALERTA SOBRE A NOVELA MEU PEDACINHO DE CHÃO!!! Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas. O que você tem deixado entrar na sua casa? Me senti incomodada com a novela das 18:00hs (Meu pedacinho de chão), achei as roupas estranhas então decidi pesquisar, não achei nada tenebroso rs... Mas Deus me tocou para pesquisar nome por nome, descobri que a vila de Santa fé é um "TERREIRO" e que o nomes dos personagens são de "UMBANDA" veja: 
EPAMINONDAS chamado de ÊPA significa: saudação ao ORIXÁ OXALÁ (Êpa Babá) 
SERELEPE: Seus sinônimos são Gay, excitado, inquieto, danado, caxinguelê, conhecido na umbanda como Joãozinho, Saci Pererê, Negrinho do Pastoreio e Serelepe da Umbanda (sapeca adora balas e doces). 
PITUCA: Boneca Pituca, esoterismo e ocultismo, Famosa mãe de santo, e filha de orixá VIRAMUNDO/GIRAMUNDO: exú GINA: Famosa mãe de Santo ,A Voz de Oyá, Yansã e Ruy de Ógún, está representando o lesbianismo. 
AMÂNCIA: filha de OXÚM 
Dona TEREZA: CIGANA, OXUM PANDA, CABLOCA, No grego significa SEIFERA E CAÇADORA. TUIM: santo, saudação de umbanda. 
Mãe BENTA: mãe de santo 
CATARINA: mãe de santo 
RODAPÉ: pé que gira 
PEDRO FALCÃO: Falcão povo das aguas, OXUM 
Tem um senhor que vive de chapéu fumando cachimbo com bengala na mão esse vcs já sabem (NB Em referencia ao Preto Véio). 
Estes são apenas alguns... Que o Senhor Jesus nos lave com seu PODEROSO SANGUE e abra nossos olhos! — com Claudinha Mel e Rafael Barbosa".

A Rede Globo tem sido vitima de sua própria arrogância e prepotência em relação à FAMILIA, tentando colocar dentro dos lares o que dizem serem coisas do cotidiano, como por exemplo, as relações desrespeitosas entre pais e filhos, relacionamentos homossexuais, poligamias, adultérios, entre outros. Meu Pedacinho de Chão não é a primeira novela da Globo boicotada por religiosos. O caso mais recente aconteceu em 2012, quando fiéis da Igreja Universal do Reino de Deus fizeram campanha na internet contra Salve Jorge. O bispo Edir Macedo, líder da Universal e dono da Record, escreveu em seu blog que São Jorge, venerado pelo catolicismo e por religiões afro-brasileiras, é um “deus pagão travestido de santo”. Na época, a autora Gloria Perez respondeu ao ataque dos evangélicos. “Não se deve ampliar a voz dos imbecis”, disse em entrevista ao jornal O Globo.

Talvez devêssemos olhar com cuidado para não parecermos um bando de alienados e perseguidores. Nem tudo é o que parece. Os autores de filmes como, por exemplo, "Ghost", que é uma relação de amor espírita, ou seja, entra um ser vivo e um espírito e foi um romance que emocionou o mundo inteiro e esta historia provavelmente não estava querendo passar o espiritismo subliminarmente, mas uma mensagem de amor.

Veja abaixo as opiniões de evangélicos e de outros.

Eucler Novato disse: É verdade, eu também me incomodo muito com essa novela, acho ridículo os figurinos, a forma que eles falam, sei lá, sinto um negócio estranho só de ver as propagandas...

Claudinha Mel disse: Essas novelas da Globo todas , são oferecidas , minas filha de 6 anos estava vendo essa novela , aparentemente sem maldade alguma aos olhos humanos , Mas Deus sempre me incomodava para algo estranho , algo que estava Oculto , Mas vendo essas informações aqui foi assim de muito importância , mostrei minha filha e Ela entendeu , e não quer mais vê a Tal Novela , Muito Obrigado por essa revelação de Deus

Neilton De Souza Carvalho disse: Interessante...o que são as sessões de descarrego das igrejas evangélicas? O que faz mal à humanidade é o preconceito, a falta de respeito e informação e a imbecilidade do povo e de certos religiosos fanáticos.


Edilaine Monteiro disse: A maioria deles são ex umbandistas que se converteram Marcia Bodas, por isso que eles são "profundos conhecedores". Veja alguns evangélicos dando testemunhos na tv. Sabem tudo!!!

Alex Carniel disse: sem comentarios......fanaticos

Adriano Ramos disse: Irmã Dayhendya ... Vc vive em pecado e não sabe!!! Olha o que achei sobre seu nome numa pesquisa rápida pela internet:
DAY - Dia
HEND - Hell (inferno) + End (Final)
YA - agora, a toda hora
Sendo assim: Dayhendya - "aquela que invoca demônios do inferno a toda hora para o dia final" ou "aquela que invocará os demônios no dia do juízo final"

Natália Borges Por gentileza, você pode citar as fontes de sua pesquisa? Pois não consegui encontrar tais informações.

O quero deixar claro é que esse tipo de coisa pode trazer mais malefícios do que benefícios. Devemos fazer as coisas realmente com fontes claras para todos pesquisar. Não podemos influenciar as pessoas e agir como a Rede Globo faz. Por isso, não assistam mais novelas, mas por causa do comportamento da emissora em todo o cotidiano e não por algo que deixa duvidas. Alias o índice do Ibope das novelas estão baixíssimos.

A Rede Globo esclarece que Meu Pedacinho de Chão não é inspirada na umbanda e não faz nenhuma referência a ela. 

segunda-feira, 28 de abril de 2014

Lula dá entrevista indecorosa sobre mensalão em Portugal

Presos do mensalão ‘não são gente de minha confiança’
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva parece ser adepto da máxima “uma mentira repetida mil vezes torna-se verdade”. Em entrevista indecorosa à TV portuguesa RTP, publicada neste domingo (27) no site da emissora, Lula — a quem caberia defender no exterior as instituições brasileiras, fosse ele estadista e não chefe de partido — desqualificou o trabalho do Supremo Tribunal Federal e afirmou que as condenações do julgamento do mensalão foram, em sua maioria, políticas e não jurídicas.

“O que eu acho é que não houve mensalão. Eu também não vou ficar discutindo a decisão da Suprema Corte. Eu só acho que essa história vai ser recontada. É apenas uma questão de tempo, e essa história vai ser recontada para saber o que aconteceu na verdade”, afirmou o ex-presidente. “O tempo vai se encarregar de provar que no mensalão você teve praticamente 80% de decisão política e 20% de decisão jurídica”.

Àquilo que Lula “acha” se contrapõem as provas das 5 000 páginas dos autos do mensalão. São documentos, perícias e testemunhos que demonstram que em seu governo instituiu-se um grande esquema de compra de apoio parlamentar. Num tribunal formado majoritariamente por ministros indicados pelo próprio Lula e por sua sucessora, Dilma Rousseff, as evidências foram tidas como suficientes para mandar para a cadeia algumas figuras centrais de seu partido — mesmo depois de esgotadas todas as instâncias de recurso previstas pela legislação.

O ex-presidente, aliás, tratou de se dissociar, de maneira desleal, dos mensaleiros que o ajudaram a fundar o Partido dos Trabalhadores, nos anos 1980, e a conquistar o mais alto posto da República, em 2002. Ele afirmou que embora haja “companheiros do PT presos, não se trata de gente da sua confiança”.

Um desses companheiros é José Dirceu, que chefiou a primeira campanha eleitoral de Lula e depois, no primeiro ano de seu mandato, exerceu o cargo de ministro-chefe da Casa Civil. Dirceu foi condenado a 7 anos e 11 meses de prisão e passa seus dias atualmente no presídio da Papuda, em Brasília.

Outro companheiro é José Genoíno, igualmente fundador do PT. Ele ocupou a presidência do partido entre 2002 e 2005 — a era do mensalão, e um momento em que Lula exercia hegemonia absoluta sobre as engrenagens do PT.

Fonte: Veja

Banana contra o racismo, resposta de Daniel Alves

Daniel Alves deu uma bela resposta para torcedores racistas neste domingo. Na vitória de virada do Barcelona por 3 a 2 sobre o Villarreal, uma banana foi arremessada no brasileiro no momento em que ele iria cobrar um escanteio. O lateral não se intimidou, descascou e comeu a fruta. Em seguida, cobrou o escanteio. O árbitro David Fernández relatou o caso na súmula da partida. Veja a atitude de Daniel Alves no vídeo.


Em entrevista ao jornal "Marca", o lateral desabafou:

- Tem que ser assim! Não vamos mudar. Há 11 anos convivo com a mesma coisa na Espanha. Temos que rir desses retardados.

O brasileiro utilizou as redes sociais para brincar com a situação:

- Meu pai sempre me falava: filho, coma banana para evitar câimbra, como adivinharam isso?

Fora do jogo por conta de uma contusão, Neymar manifestou apoio ao amigo de clube e de seleção brasileira:

- Toma, bando de racistas. Somos todos macacos, e daí? É uma vergonha que em 2014 exista preconceito. Está na hora da gente dar um chega nisso! A forma de me expressar para ajudar que um dia isso acabe de uma vez por todas é fazer como o Daniel Alves fez. Se você pensa assim também, tire uma foto comendo uma banana e vamos usar o que eles têm contra a gente a nosso favor - publicou o camisa 11 nas redes sociais.


Daniel também foi bem na partida. Ele participou de dois dos três gols do Barcelona no jogo deste domingo no El Madrigal.

Algumas celebridades brasileiras também mostraram apoio ao jogador através das redes sociais. O casal de apresentadores Angélica e Luciano Huck publicou uma imagem nas redes sociais com bananas.

- Tamo junto, Daniel Alves - escreveu Huck.

A atriz Thaíssa Carvalho, namorada do jogador, também se manifestou.

- Admirável como sempre. Orgulho. Porém, é muito triste ver que nos dias de hoje isso ainda acontece.

Amigos e familiares de Daniel Alves e Neymar criaram uma campanha nas redes sociais contra o racismo pedindo para que os fãs do lateral publiquem fotos com bananas.

sábado, 26 de abril de 2014

Projeto obriga prefeito a usar só sistema público de saúde

Vereador Marcos Rillo
O vereador Marco Rillo (PT) protocolou ontem proposta de emenda à Lei Orgânica do Município que obriga o prefeito, vice-prefeito, secretários, vereadores e comissionados a usar, exclusivamente, os serviços públicos de saúde. Todas as autoridades seriam obrigadas a usufruir do Sistema Único de Saúde (SUS), seja nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) ou nos hospitais públicos da cidade. Para apresentar a emenda no Legislativo, Rillo afirmou que colheu assinaturas do presidente da Casa, Paulo Pauléra (PP), Fábio Marcondes (PR), Maurin Ribeiro (PC do B), José Carlos Marinho (PP), Daniel Caldeira (PSL) e Celi Regina (PT). “É gozação dele. Ele (Rillo) foi no meu gabinete ontem (quinta-feira) e pediu para assinar. Eu assinei porque ele disse que era brincadeira e não iria apresentar”, afirmou Pauléra. 

Na prática, Rillo quer alterar dois artigos da LOM, o 72, que estabelece critérios para a nomeação de secretários e os subprefeitos. Entre as condições para ocupar as funções públicas estão o “uso obrigatório do sistema de saúde, oferecido pelo município, bem como as pessoas ligadas a qualquer um deles, por matrimônio ou parentesco afim ou consanguíneo, até o segundo grau, ou por adoção, ressalvados tratamentos não oferecidos pela rede pública de saúde”. Já a alteração no artigo 102 proibiria o prefeito Valdomiro Lopes (PSB), a vice-prefeita Ivani Vaz de Lima (PSDB), parlamentares e apadrinhados de contratar um plano de saúde particular. “Não poderão usufruir dos serviços oferecidos pelos planos de saúde privados, desde que sejam oferecidos pela rede pública de saúde do município”, consta no texto do projeto de emenda à LOM. 

Rillo admitiu que, dificilmente, os vereadores da base governista vão deixar a proposta tramitar na Casa. De acordo com o petista a ideia é chamar a atenção para a necessidade de debater a atual situação e qualidade dos serviços prestados pela Secretaria de Saúde. “As reclamações no setor da saúde são muitas”, afirmou Rillo, que recentemente foi o relator da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que apontou uma série de irregularidades na pasta. O caso é investigado pelo Ministério Público. 

De acordo com o petista, os ocupantes de cargos públicos deveriam sentir como é tratado o “usuário da rede municipal de saúde”. “E, talvez assim, com a tomada de algumas atitudes, fáceis, possam ser alterados alguns procedimentos que, porventura, estejam inadequados, proporcionando melhorar a vida de milhares de pessoas que dependem desses serviços”, afirmou Rillo para justificar a apresentação da emenda. 

Reação 

O governo reagiu com desdém à proposta do vereador do PT. O secretário de Comunicação, Deodoro Moreira, afirmou que cabe a Câmara analisar a proposta do parlamentar. “É muito estranho”, resumiu Deodoro. Já Carlão dos Santos (PTB) resumiu da seguinte maneira o que achou da proposta: “o Rillo é meio doido. Primeiro tem de passar pelas comissões”. O vereador Maurin Ribeiro (PC do B), que assinou o projeto, disse que a questão é polêmica. “Vai ter dificuldade para passar nas comissões. Não passa nem na legalidade. Mas é importante que se faça o debate”, afirmou o comunista.

Fonte: Jornal Diario da Região

Justiça absolve pastores da Assembleia em Rio Preto

A cúpula da igreja Assembleia de Deus São José do Rio Preto foi absolvida em ação penal que denunciou pastores e um membro pelos crimes de falsificação de documento, formação de quadrilha e fraude processual. Ao todo eram cinco réus, entre eles o atual presidente da congregação, Wanderley Melo. 

A sentença é do juiz da 3ª Vara Criminal, Diniz Fernando Ferreira da Cruz, tem onze páginas e saiu no último dia 16. Ele julgou a ação improcedente depois que o promotor José Heitor do Santos, responsável pela denúncia, reconsiderou as acusações e pediu a absolvição de quatro dos cinco réus do processo. 

Durante o julgamento, o promotor justificou que ao ler o autos ainda na fase policial encontrou indício da participação de todos os réus, mas durante as oitivas das testemunhas “foi possível observar que estas pessoas muito provavelmente foram envolvidas nos fatos”. 

Ao final, José Heitor pediu que apenas o ex-tesoureiro da igreja, André Faustino Machado, fosse condenado pelo crime de falsificação de documento particular e propôs a suspensão do processo por ele ser primário, o que foi negado pela Justiça. 

Segundo o juiz, embora esteja comprovado na ação, através de laudos técnicos, que a suposta carta deixada pelo então pastor José Perozin, falecido em 2009, indicando o atual presidente Wanderley Melo é falsa, não é possível afirmar que o documento, que desapareceu durante o processo, foi escrito pelo ex-tesoureiro André Machado. 

“Pode-se falar que existem indícios de que os réus tenham envolvimento nos delitos descritos na denúncia, mas como o Direito Penal não opera com simples conjecturas, suposições ou ilações, cabível, in casu, a aplicação do in dubio pro reo para todos os réus”, escreve o juiz, confirmando a improcedência da ação. 

Os outros acusados eram a esposa de André, Sueli Machado, a viúva do pastor José Perozin, Claudete de Jesus, e o pastor Alcemiro Oliveira. Durante as investigações, todos negaram saber da falsificação da carta e afirmaram que a indicação do pastor Melo para presidente era a vontade de Perozin. 

Pelo estatuto da Assembleia de Deus, o presidente da igreja, em caso de falecimento, tem o direito de deixar indicado por documento quem será seu sucessor eliminando a necessidade de nova eleição. 

Crise familiar 

A disputa pelo poder na igreja começou quando o irmão do então presidente falecido, também pastor Aparecido Perozin, que era um dos vices presidentes da congregação na época, procurou a polícia para denunciar que a carta deixada por José Perozin indicando Melo para a presidência era falsa. A carta teria sido escrita por José Perozin dois anos antes e estava guardada num cofre particular, aberto por Andre, seu assessor de confiança, na presença de sua esposa Claudete no dia do falecimento. O documento foi entregue ao pastor Alcemiro, outro acusado absolvido, que foi até o cartório reconhecer firma da assinatura. 

Inicialmente, tanto polícia quanto MP afirmaram que tratava-se de um golpe para que o grupo tomasse liderado por Melo tomasse o poder da igreja. Para a Justiça, embora haja indícios, não ficou devidamente comprovado que André escreveu a carta e como a Promotoria pediu a absolvição de Melo, que seria o principal interessado e beneficiado pelo crime, não há como condenar o ex-tesoureiro. 

Líder religioso diz que ‘foi feita Justiça’ 

O presidente da Assembleia de Deus São José do Rio Preto, Wanderley Melo, disse nesta quinta-feira, 24, à reportagem que “foi feita Justiça” com a absolvição dos membros da igreja. Ele falou ainda que não guarda rancor de ninguém e perdoa até mesmo o irmão do pastor José Perozin, que deu início ao processo. “Não guardamos mágoas”, afirmou. 

Depois do incidente, Melo foi eleito presidente e está no terceiro mandato. Ele admite que ao longo de quatro anos o processo judicial e a suspeição sobre membros da cúpula desgastou a imagem da igreja, que chegou a perder cerca de três mil membros. “A sentença veio num momento adequado. A igreja esperava uma resposta e ela veio para curar feridas, cicatrizes. Tem pessoas, membros antigos da igreja, que sofreram muito com tudo isso”, disse. 

Melo afirmou que ainda não tomou ciência do teor da sentença. A reportagem também procurou André, mas foi informada que ele estava viajando. O promotor José Heitor também não foi encontrado ontem para falar se vai recorrer ou não da decisão. O pastor Aparecido Perozin, que fez as denúncias, não é mais membro da igreja desde 2009, após uma sindicância interna. 


Entenda o caso:


:: Janeiro de 2009 morre pastor José Perozin. Ainda no velório André aparece com carta que indica Melo presidente. 

:: Aparecido Perozin, irmão de José e vice-presidente da igreja, contesta documento. 

:: Polícia abre investigação. Em dezembro de 2009 laudo técnico comprova que assinatura na carta é falsa. 

:: Em 2012, MP denuncia cinco pessoas e começa processo criminal contra cúpula da igreja. 

:: Semana passada, durante julgamento, MP recua das acusações contra quatro e pede condenação apenas de André. Justiça nega, alegando que não há provas contra ele, e absolve todos envolvidos 


Fonte: Jornal Diario da Região

Para a mulher - O Poder da Maquiagem

Cameron Dias sem e com maquiagem
Por Adriana Rangel
Nesta matéria, minha amiga e blogueira de modas Adriana Rangel trás para você mulher dicas de maquiagem. 

Na grande maioria das fotos de antes e depois de maquiagens o grande "responsável" pela transformação é o contorno, técnica que consiste em fazer jogos de luz  para afinar algumas partes do rosto e clarear para saltar/chamar atenção de outras.  Como é uma técnica demorada acaba ficando para ser usada em situações mais festivas,quando queremos ficar impecáveis.

Neste esquema aqui mostra bem onde dá para afinar ou saltar. Se você não é nenhuma expert em maquiagem, dá para pensar em apenas afinar o nariz,  diminuir a testa, as bochechas... enfim  o que mais sentir necessidade e depois, quando estiver mais confiante tentar outras coisas. Lembrando que tem que esfumar bastante para não ficar marcado...




Existem paletas próprias para isso, mas dá para fazer usando sombra marrom opaca, pó bronzeador ou até aquela base ou corretivo que comprou na cor errada.

Algumas fotos da técnica de contorno aplicada em incríveis fotos de antes e depois. Se não se animar depois destas, eu desisto!

Estas foram feitas pelo maquiador libanês Samer Khouzami





Fonte: dicasdemulhervirtuosa.blogspot.com.br

sexta-feira, 25 de abril de 2014

Pr. Claudio Duarte no ‘Programa do Ratinho’; confira!

O pastor Claudio Duarte participou na noite desta quinta-feira (24), ao vivo, do quadro ’2 Dedos de Prosa’, do ‘Programa do Ratinho’ no SBT.

Essa foi a segunda vez que o pastor esteve no programa do apresentador Carlos Massa. Em agosto do ano passado ele foi chamado para participar do programa por conta do sucesso de seus vídeos voltados para casais.

Segundo Ratinho, o sucesso do programa foi tão grande que eles resolveram convidar novamente o pastor. De maneira bem descontraída e humorada, Claudio Duarte respondeu à perguntas de internautas e da plateia sobre vários temas, como sexo e casamento.

O conferencista e pregador Claudio Duarte, membro da Igreja Batista Monte Horebe, em Campo Grande (RJ), também é autor do livro ‘Sexualidade sem Censura’ e do DVD ‘Sexualidade do casal’, ambos lançados pela Editora Central Gospel.

Assista a entrevista na íntegra 


Fonte: Verdade Gospel

Cantora pop encarna diabo em vídeo e quer ser divindade para seus fãs

Mensagens subliminares não são novidade em clipes de música. Letras com trocadilhos e duplo sentido também não. Para quem não fala inglês talvez muito disso não importe.
Contudo, a cantora pop inglesa Lilly Allen está chamando atenção da mídia com sua nova música justamente por isso. Na terça-feira (22), Allen lançou o vídeo da música “Sheezus”, que dá nome ao seu próximo disco. Trata-se de um trocadilho com a palavra (she) e Jesus, ou seja, um “Jesus mulher”.
Para alguns, a letra mostra apenas a insatisfação da cantora de ter de concorrer num mercado tão povoado de estrelas como Rihanna, Katy Perry, Beyoncé e Lady Gaga. Todas elas mencionadas na letra da canção, onde Allen diz que veio para assumir o primeiro lugar em popularidade.
Não é à toa que a letra da canção diz “Ficar em segundo não é o bastante para as divas”. Contudo, não é apenas uma provocação a outras cantoras. O lançamento mundial do álbum ‘Sheezus’ deve ocorrer dia 2 de maio e a música em breve deve estar em todas as paradas (e rádios) do mundo.
Em entrevistas anteriores, Lily havia explicado que a opção pelo nome Sheezus seria para marcar sua tentativa de ser “uma nova divindade da música pop”.
Com efeitos de animação um tanto toscos para os dias de hoje, a cantora se mostra meio neon, meio alienígena (Avatar), ora com olhos de cobra, ora com chifres… Perto dos dois minutos e 45 segundos do vídeo, sua imagem se assemelha muito a imagem popular de Satanás. Além disso, uma cruz invertida é projetada em sua testa durante alguns segundos.
Quando analisada de perto, é possível ver que a letra tem várias referências a questões espirituais: “Ficar em segundo não é o bastante para as divas/ Me dê a coroa, vadia/Eu quero ser Sheezus (Jesus mulher)/ Seja legal comigo, e eu posso te fazer meu discípulo/ Estou entediada de novo, saia por aí e diga/ Aos seus amigos para se juntarem à nós/Se entreguem para mim, eu sou a sua líder/ Me deixe ser a Deusa”. Some-se a isso o fato de ela ter posto um jesus crucificado e mumificado em vídeo anterior (Air Baloon).
Curiosamente, em 2011 a mesma Lilly Allen falava em como havia se convertido, largado as drogas que frequentava uma igreja cristã na Inglaterra.
Por uma estranha coincidência, o novo vídeo de Allen é lançado no mesmo mês que o clipe da música “G.U.Y”, da cantora americana Lady Gaga, cuja letra faz invocações pagãs e apresenta imagens com fortes referências sexuais. Perto da metade, aos 2 minutos, Gaga aparece “ressuscitando” Jesus. Seu sangue é colhido para uma espécie de clonagem que produzirá centenas de cópias biológicas deles no final do vídeo.

Assista (o conteúdo pode ser considerado ofensivo):



Fonte: Gospel Prime

Assista em seu celular diversas histórias bíblicas com o Smilinguido

Por ALINE JESUS

Smilinguido é um aplicativo para Android e iOS que oferece diferentes histórias, em formato de vídeo, com princípios bíblicos. No app, todo o conteúdo é ilustrado com a formiguinha Smilinguido e sua turma, que levam ao usuário mensagens de amor, perdão, amizade entre outros.

Ao total são 11 histórias com as formiguinhas, que vivem em uma floresta brasileira no formigueiro das Formigamigas. Elas são divididas em duas seções: “Comunicando o amor de Deus” e “Doce é o amor de Jesus”. Para assistir a um vídeo, basta tocar nele para que comece a reprodução. Na opção “Playlist” é possível que todos os vídeos sejam reproduzidos em sequência.

O aplicativo também oferece um jogo da memória com as formiguinhas. Para jogar, escolha antes um dos três níveis: difícil, médio e fácil. Seja rápido e corra contra o tempo, que é contabilizado ao lado esquerdo da tela. Não se esqueça também de bater seu recorde e, para isto, repare o tempo feito nas últimas jogadas.

Caso você tenha uma Apple TV, o app tem suporte ao AirPlay. Desta forma, toda a família pode usufruir de todo o conteúdo que o aplicativo oferece. Faça o download grátis de Smilinguido e entenda mais sobre a bíblia com as histórias e aventuras das formiguinhas.

Fonte: Techtudo



EUA: policiais surpreendem diretor da TelexFree tentando fugir com US$ 38 mi


Durante uma busca feita na sede da TelexFree em Marlborough, no estado americano de Massachussetts, policiais surpreenderam o diretor financeiro da empresa, Joseph Craft, numa tentativa de fugir com inúmeros cheques destinados aos donos da empresa, James Merrill e Carlos Wanzeler. O valor total da apreensão chegou a 38 milhões de dólares. A Securities and Exchange Comission (SEC), autoridade reguladora do mercado de capitais dos Estados Unidos, foi a autora do pedido de busca e apreensão. Segundo a SEC, todos os bens da empresa foram congelados, mas os valores são mantidos em sigilo pelo governo americano.

Autoridades americanas acusaram a TelexFree dos Estados Unidos de formação de pirâmide e fraude no início da semana passada. A empresa era o grande veículo de operação da matriz brasileira, também investigada por de formação de pirâmide, depois que suas operações locais foram bloqueadas pela Justiça do Acre. A TelexFree Brasil passou a ensinar aos chamados ‘divulgadores’, ou seja, as pessoas que aderiam ao esquema, formas de aplicar dinheiro na empresa nos Estados Unidos e obter ganhos. No início do ano, a TelexFree americana transferiu dinheiro ao Brasil por meio de patrocínio ao clube de futebol Botafogo. Depois do pedido de falência e das acusações, o clube alvinegro avalia retirar o logo da empresa da camisa.

O processo conduzido pela SEC acusa de fraude o americano James Merrill, presidente da empresa, e os brasileiros Carlos Wanzeler e Sanderley Rodrigues de Vasconcelos. Os quatro maiores divulgadores também não saíram ilesos no processo: Steven M. Labriola, Santiago de la Rosa, Randy N. Crosby e Faith R. Sloan. Craft, o diretor capturado em fuga, também é acusado de fraude.

O esquema da TelexFree tinha como alvo imigrantes brasileiros e latino-americanos. Devido à grande adesão da população da República Dominicana ao negócio, as autoridades do país também processaram a empresa por formação de pirâmide, nesta terça-feira. A estimativa é que, no mundo todo, o esquema tenha drenado 1 bilhão de dólares de divulgadores.

Ministério Público culpa TelexFree por não ressarcir divulgadores

Fonte: Veja

Candidato a Presidente, Eduardo Campos afirma ser contra a legalização do aborto

O ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos (PSB), pré-candidato à Presidência, afirmou na manhã deste domingo (20), que é contra o aborto e que a legislação brasileira é adequada para o assunto e não deve ser alterada.

“Como cidadão acho que minha posição é a de todos. Não conheço ninguém que seja a favor do aborto”, afirmou o ex-governador, ao ser perguntando sobre o assunto.

O pré-candidato a presidente da República disse que a campanha dele seguirá a posição pública que tem sobre o procedimento. “Vou tratar durante a campanha como já tratei em outras campanhas que fiz e já tenho posição pública sobre o tema”, adiantou.

“A legislação brasileira já é adequada. Ela já prevê as circunstâncias e os casos e eu não vejo razão para que se altere exatamente a legislação que o Brasil já tem”, disse Campos.

Questionado por jornalistas sobre outros temas relacionados as eleições, Campos disse que não trataria do assunto por ser domingo de Páscoa. “Hoje é dia de Páscoa. Vamos ter o ano todo para conversar sobre isso”.


Fonte: Estadão e Diário de Pernambuco

Silvio Santos diz que sexo antes do casamento é pecado

Silvio Santos usou princípios bíblicos ao afirmar que o homem e a mulher devem se manter virgens até o casamento.

No “Programa Silvio Santos” do último domingo (20) o apresentador Silvio Santos brincou que irá se sentar no trono do Templo de Salomão, da Igreja Universal, para dar conselhos.

Sua filha, a apresentadora Patrícia Abravanel, pediu então um conselho se ela deve se casar antes ou depois do nascimento de seu primeiro filho, Pedro, fruto do namoro com o deputado federal Fábio Faria.

Silvio Santos respondeu a pergunta falando que sexo antes do casamento é errado. “Como você já pecou você deve casar o mais rápido possível, o que seria muito melhor”, disse ele.

Mesmo em tom de brincadeira o dono do SBT usou argumentos que seguem os princípios bíblicos ao afirmar que o homem e a mulher devem se manter virgens até o casamento, pois isso evita que haja comparações com parceiros sexuais anteriores, evitando assim o fim do relacionamento.

“Quando a mulher sai com outros homens, quando ela casa e o marido não é o que ela encontrou nos outros homens, ela fica frustrada e abandona o marido. Se ela não conhecer outros homens antes, ela não vai conhecer o sexo antes ela vai ficar satisfeita e o casamento vai durar”, disse ele.

Patrícia, que já foi pastora evangélica, achou a declaração do pai machista e perguntou se os homens também devem se casar virgens. A resposta de Silvio Santos foi a mesma, dizendo que o casal deve permanecer virgem até o casamento para evitar frustrações sexuais e separações.

“O casamento foi feito para que homem e mulher, virgens, se unam e se conheçam no sexo e no decorrer do casamento sejam próximos, sejam comparsas”, afirmou.

Voltando a brincar, Silvio Santos falou que porque muitas pessoas estão fazendo sexo antes do casamento o diabo está querendo comprar mais terreno pro inferno, declaração que fez a plateia do programa dar muita risada


Fonte: FG

quinta-feira, 24 de abril de 2014

'Fantasma' aparece em jogo da Libertadores e vira febre na web.

O The Strongest venceu o Defensor por 2 a 0 no último dia 17, pela Libertadores, em La Paz, na Bolívia. Mas não foi a vitória do time boliviano que chamou mais atenção na partida. As imagens do jogo mostram um "torcedor-fantasma" correndo na arquibancada.

Inicialmente, ele parece um torcedor comum, ainda que a imagem não deixe claro como ele corre tão perto dos outros. Em um momento, ele passa — sem parar ou diminuir a velocidade — por uma grade que divide setores. As imagens são da transmissão da Fox Sports latina.

Apesar da mística sobre o caso, o jornal The Huffington Post cita que a sombra pode ser originada por uma sobreposição em imagens de diferentes câmeras que fizeram com que a sombra de um jogador em campo aparecesse na arquibancada.

Já o jornal peruano Depor afirma que há espaço suficiente para que um torcedor corra por trás dos outros e que a passagem é apenas uma ilusão causada pela distância da imagem.

A midia sensacionalista faz de tudo para aparecer. 

Veja o vídeo:


Fonte: Zero Hora

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails